Novidades

Aprenda a investir na Bolsa em apenas 6 passos

28 de outubro de 2011 - por Ação Jovem sem comentários

  • Você tem dificuldades na hora de planejar seu investimento? Tem dúvidas de como, quando e onde investir? Pois bem, a BM&FBOVESPA preparou 6 passos rápidos e fáceis para te ajudar a ser um grande sócio investidor. Bora lá?

    1º Passo: Defina um objetivo

    Você deve saber o que quer fazer com o dinheiro rentabilizado. Depois de decidido você deve pensar em quanto tempo quer o retorno do investimento.

    2º Passo: Formas de investir

    Há quatro formas de investimento na Bolsa de Valores.

    1-Compra direta de ações: é a forma mais tradicional. Basta escolher as ações que quer e dar a ordem de compra e venda para a sua corretora.
    2-Fundos de índices ( ETF´s): representa um fundo de um grupo de empresas de determinado setor.
    3-Clubes de Investimento: são grupos de pessoas com o mesmo objetivo na hora de investir. Podem ser seus amigos,colegas de trabalho e até parentes.
    4- Fundos de Investimentos em Ações: é uma carteira de ações escolhida e gerenciada por um banco, ou qualquer outra instituição financeira autorizada.

    3º Passo: Valor mínimo para se investir

    Na verdade não há um valor mínimo. O mercado de ações está aí para todo mundo. O que deve ser levado em consideração é se o seu investimento cabe dentro das taxas da corretora. Por exemplo: se você quer investir 100 reais em ações e sua corretora cobra R$10 de taxa de custódia e R$ 8 em taxas de corretagem, você vai precisar de um rendimento superior a R$18 todos os meses para o investimento compensar.

    4º Passo: Corretora

    É muito importante escolher a corretora adequada para o seu tipo de investimento. Você deve levar em consideração a sua comunicação com ela, as taxas de corretagem e o tempo que você tem disponível para cuidar dos investimentos.

    5º Passo: Como abrir sua conta na corretora

    É bem simples. O sistema é similar a abertura de conta em banco. Você deve fazer um cadastro e apresentar alguns documentos, como: CPF, RG e comprovante de residência.

    6º Passo: Como escolher suas ações

    Não existe fórmula e, na verdade, há várias maneiras. Abaixo você confere algumas delas:

    – A orientação das corretoras sobre quais ações estão em um bom ou mau momento.
    -Unir o seu lado consumidor ao investidor, ou seja, comprar ações de empresas que você consome.
    -Conhecer o negócio da empresa, analisar suas estratégias e posicionamentos no mercado.
    -Fundos de Índices também são uma solução. Você diversifica seu investimento sem precisar escolher determinada empresa.

    Agora você já tá manjando tudo, né? Caso ainda tenha alguma dúvida o site “Quero ser Sócio” da BM&FBOVESPA traz TODOS estes passos, vídeos, dicas e outras opções de investimentos. Confere aí, que vale muito a pena: http://www.quersersocio.com.br

Comentários